Dicas para tornar uma viagem a Orlando mais prática

Orlando se tornou uma cidade tão querida e visitada pelos brasileiros por incontáveis motivos, sendo o principal deles unir diversão nos parques com maratonas de compras nos outlets. Mas a facilidade de se locomover em uma cidade tranquila e de comunicação são outros fatores de sucesso.

Para deixar a viagem ainda mais prática, principalmente sendo uma primeira visita, acho legal ter em mente alguns pontos que facilitam a vida do turista.

O primeiro deles e que não tem erro para turista de primeira viagem é escolher um hotel na International Drive ou bem próximo a ela. Isso porque essa grande avenida concentra um dos maiores outlets em uma extremidade, tem diversos restaurantes, farmácias e lojinhas em toda sua extensão, além de hotéis para todos os bolsos. Os parques temáticos, principais pontos de interesse nessa viagem, ficam próximos também.

Isso remete a uma outra dica muito importante: alugue um carro com GPS. Eu aluguel na Alamo do aeroporto através da reserva que fiz na Happy Tours (preços bem atrativos!) e já vinha com GPS em português e os principais locais de interesse já estavam até gravados na memória. Com ele não tem como errar e andar em um lugar desconhecido se torna fácil fácil.

Para quem vai ficar em casas alugadas ou hotéis com frigobar e microondas, vale a pena passar em um mercado assim que aterrissar. O Walmart não fica longe da International Drive e é ótimo para comprar itens para café da manhã, comidas congeladas para quando chegar cansado à noite e biscoitos para beliscar durante o dia nos parques. Tudo isso por preços excelentes. Além, é claro, de outros itens de vestuário, farmácia, utilidades e até produtos oficiais da Disney por preços melhores.

Top 5: Aproveitando melhor o tempo nos parques de Orlando

Pouco tempo e muitas filas: essa parece ser a receita para um dia confuso e pouco proveitoso nos parques de Orlando. Realmente, na alta temporada as filas para os principais brinquedos podem chegar a mais de 1h!

Mas nada de desanimar! Vou dar cinco dicas que coloquei em prática na minha viagem em dezembro (semana anterior ao Natal e de grande movimento) e me ajudaram a ir em todas as atrações mais legais.

1- Chegue o mais cedo possível! Se o parque abre às 09h, planeje já estar lá nesse horário. Sim, é chato acordar cedo nas férias, mas as vantagens são imensas: estacionar bem perto da entrada, não pegar filas para entrar, brinquedos ainda vazios e pouco movimento no parque (o que significa menos pessoas fazendo figuração nas suas fotos rs)

Let the memories begin

2- Escolha as atrações mais concorridas assim que chegar! Esse vale principalmente para a Disney. Entre no parque, vá direto pegar um Fastpass para aquele brinquedo que sempre fica muito cheio e siga direto para outro que seja também muito concorrido. Pronto, assim já conseguirá fazer duas atrações importantes. Essa é uma lógica que vale para o dia todo. Fique atento aos horários em que já poderá pegar um novo Fastpass e vá se organizando através deles.

Quando fui ao Magic Kingdom, em pleno sábado, cheguei na hora de abertura e fui direto para Tomorrowland. Peguei um Fastpass para a concorridíssima Space Mountain e segui para o Buzz Lightyear’s Space Ranger Spin. Resultado: em 20 minutos já tinha feito duas das principais atrações.

Atrações concorridas na Disney

3- Deixe o Harry Potter para depois! Sei que a tentação é chegar no Islands of Adventure e logo seguir para The Wizarding World of Harry Potter. Mas pense que todos também terão essa mesma ideia. Por isso, minha dica é ir até lá e ver como estão as filas. Se estiverem muito cheias, siga para outras áreas do parque que estarão bem vazias pela manhã e volte após o almoço. Com certeza as filas ainda estarão grandes, mas com menor tempo de espera.

Eu comecei pelas atrações de Jurassic Park e Toon Lagoon, não peguei fila em praticamente nenhum e fiz todas as atrações bem rápido.

The Wizarding World of Harry Potter

4- Dê muita atenção ao mapa! Sabe aquele mapa do parque que fica disponível logo na entrada? Pois então, ajuda e muito marcar as atrações que você quer ir e ir riscando conforme for fazendo. Isso é bom para ter uma ideia geral do que ainda falta fazer, onde são as atrações e quanto tempo tem disponível. Parece bobeira, mas é muito útil.

Mapa Disney

5- Instale os apps da Disney e Universal no celular! Para facilitar a vida de seus visitantes a Disney e a Universal criaram dois aplicativos de celular onde é possível conferir todas as atrações, horários dos parques, fazer reservas em restaurantes e, o mais legal de tudo, ver o tempo real de espera em cada brinquedo. Assim fica bem mais fácil se organizar e planejar para conseguir fazer tudo. Os apps são o My Disney Experience e o Universal Studios Wait Times. Vale lembrar que em todo o resort da Disney o wi-fi é grátis e funciona muito bem.

Apps Disney e Universal

Bônus: não comentei sobre o Express, o fura-fila da Universal, porque não utilizei. Ele é semelhante ao Fastpass da Disney, porém é pago. Nos dias em que fui aos dois parques resolvi arriscar e encarar as filas. Acabou que foi bom, porque não vi necessidade mesmo e consegui ir em todas as atrações que eu queria. Para quem pensa em fazer Island of Adventures e Universal Studios no mesmo dia, acho que é uma excelente pedida. O preço do Express é $19 para Universal Sttudos, $29 para Islands of Adventures ou $35 para os dois parques.

Todas essas dicas deram supercerto comigo e acho que, em geral, funcionarão em qualquer época do ano e em qualquer parque. Mas, o mais importante é já saber assim que chegar ao parque quais são as atrações que você mais quer ir e observar como está o movimento. Aí então vá se organizando e tentando encaixar um tempinho para almoço, lanche e descanso. Se não conseguir ir em alguma atração principal, não se estresse. Você vai querer voltar sempre para Orlando! 🙂

Econo Lodge International Drive at Universal – Orlando

Demorou, mas enfim vai começar a série de posts sobre Orlando. Já vou iniciar pelo hotel, um dos itens que mais gosto de pesquisar quando estou planejando uma viagem. (Ou às vezes até sem nenhuma viagem em vista #aloka rs)

Já tinha em mente que queria um hotel simples, pois iria ficar todo o dia nos parques e outlets, e na International Drive, por ser uma rua principal com muito comércio e perto de tudo. Encontrei no Econo Lodge International Drive at Universal exatamente o que eu procurava: limpo, tranquilo, bem localizado e confortável. Os quartos são grandes, a cama e o chuveiro são bons, estacionamento e wi-fi grátis. Em dezembro, paguei em torno de $60 a diária para duas pessoas.

Econo Lodge International Drive at Universal

Nos arredores do hotel têm diversas lojinhas para comprar de um tudo e muitos restaurantes bons. Os parques da Universal ficam a menos de 10min de carro e a Disney, um pouco mais longe, a uns 20min.

Importante! Não vá esperando um café da manhã como estamos acostumados a encontrar até em pousadas supersimples no Brasil. Sabendo disso e já tendo lido comentários negativos no Booking sobre o café do hotel, preferi ir no Walmart assim que cheguei e comprar pão, frutas e suco para tomar meu café tranquilamente no quarto. É a melhor escolha.

Econo Lodge International Drive at Universal

Para mim, o único ponto negativo mesmo foi não ter microondas no quarto – o que eu já sabia desde a reserva. Acabei sentindo bastante falta, principalmente à noite, quando chegava cansada do parque e não queria sair novamente para jantar. Poder comprar algumas comidinhas congeladas teria ajudado muito!

Acho que esse hotel vai atender quem procura um lugar sem luxo, confortável e vai passar o dia todo fora.

* as fotos do post são do site oficial do hotel e correspondem à realidade